quarta-feira, 21 de dezembro de 2016

Um desejo de natal



Desejo que o natal seja como aquele que lemos em uma história, imagine um pouquinho e volte a doçuras esquecidas, pregue meias costuradinhas com suas próprias mãos, desembrulhe um pisca-pisca colorido e estenda-o por um cantinho que possa iluminar corações. Coloque o gorrinho do papai-noel esquecido em uma gaveta, daqueles anos que cantou canções em coral, em uma sacada iluminando a rua de luzes e sons. Ajeite a mantinha azul delicadamente em ti, quando a chuva ou a neve (mesmo na imaginação) vier. Sonhe punhados de doces e sorrisos, e mais que importante, não se sinta sozinho, lembre-se da família pequenina em um doce burrinho, os animaizinhos, as estrelas, a simplicidade, acenda uma lamparina dentro e fora do coração, e pense que a vida um dia há de lhe dar uma estrelinha, um encontro, um caminho de amor.

2 comentários:

CÉU disse...

oi, Gabi, querida!

Grata por sua visita e gentil comentário.~

Que textinho mais gostosinho, menina! Eu me imaginei fazendo tudo aquilo. Nota 1000.

SANO NATAL E EXCELENTE ANO NOVO.

Beijos e abraços.

Eri Sunny disse...

Nice picture!
I`m following ur blog with a great pleasure via GFC
Please join me
Sunny Eri: beauty experience