terça-feira, 2 de agosto de 2016

Dentro da alma

Como o beija-flor que reflete seus pulmões feitos de flores, que respiram pétalas.


Como a coruja que reflete as árvores brilhantes das florestas, com todos os seus cantos e sons.


Como o gatinho que reflete as estrelinhas do céu que contempla por todo o seu corpo.




Que eu possa ser uma alma que reflete as coisas belas e serenas que vê. Uma alma que entrega sua porção de delicadeza, de uma floresta de verdade, de constelações e montanhas, de voos e de pousar. Uma alma que faça parte em doce poesia de um pedaço de céu. 


3 comentários:

Alice disse...

O gatinho está salpicado de estrelas? *-* Você já é essa alma!!!

Graça Pires disse...

Espalhas magia. Mão é preciso mais nada...
Um beijo.

Carmem Grinheiro disse...

Olá, Gaby.
Uma alma iluminada, em tons de aquarela...

bjn amg