terça-feira, 22 de dezembro de 2015

Amigo Coelho,


Os sininhos de natal já começaram a tocar por aqui, e em meio à dias frios e chuvosos, os sininhos deixam um som bonito para esquentar, as luzes começam a piscar, árvores começam a serem enfeitadas, e já posso acreditar que é natal novamente. Apesar de tudo tão bonito estou triste, apesar do meu gorro vermelho e do meu cachecol, sinto uma tristezinha aqui dentro, as outras raposas dizem que isso não é certo, que raposas não sentem essas coisas e que não são amigas de coelhos, não sou amiga de todos os coelhos, sou sua amiga, não se pode ser amigo de tanta gente assim, eu acho. Deixo a você essa  cartinha mesmo que curtinha e triste, para dizer das saudades de você e desejar que tenha um natal muito bonito, que os sininhos estejam batendo por ai também em sons mágicos.

Sua amiga, Raposa. 



Amiga Raposa,

Espero que não esteja mais triste, e se ainda estiver, estou mandando pelo correio uma caixinha cheia de coisas gostosas, fiz biscoitos e panetone (com gotinhas de chocolate). Podem dizer para você que não são coisas de raposa, mas não ligue muito para isso. Espero que chegue logo para nada estragar, está tudo fresquinho. Os sininhos de natal bateram aqui também, o friozinho já chegou, e eu coloquei luzinhas na minha toca. Mando além da caixinha com coisas gostosas, outra caixinha cheia de luzes para você, essa é a maior importância dessa data e de todas as outras, dar sempre um pouquinho de luz para nossos amigos. Um feliz natal!
Com carinho, Coelho. 

Um comentário:

Vanessa Palombo disse...

Lindo como sempre...

Cara amiga Gaby, aproveito para lhe desejar um Feliz Natal e Um próspero ano novo...

Bjos