sábado, 17 de outubro de 2015

Pintado com tanto mar


Pintado em aquarela
repousava um mar,
flutuando estrelas
e mergulhando seres coloridos.
Como uma tartaruga-marinha
seguia sua trajetória entre estrelas de água
e estrelas de céu.
Seguindo sempre em frente
sabendo que um dia irá retornar
para uma praia cheia de areias branquinhas.
No seu coração ela sempre carrega um medo.
A praia ainda lá estará?
Mas um coração que carrega um mar segue,
em muitos oceanos repousará.
Mas a praia sempre no pensamento estará,
onde pequenas ondas se aconchegam depois de tanto navegar,
em uma praia que não irás morrer
mas renascer,
para que sempre possa voltar nesse coração
pintado com tanto mar.

6 comentários:

uanderesuacronicas .blogspot.com disse...

Na aquarela do meu viver, pintar meus sonhos.
Na cidadela da minha alma, ser estrela sem limite de duração.
Ser água de dia, límpida, branda e fresquinha...
E que venha o fogo de noite, acender meus desejos e repor minhas energias...
Quando sobre folha qualquer eu desenho um sol amarelo
E com cinco ou seis retas é fácil fazer um castelo
Corro o lápis em torno da mão e me dou uma luva
E se faço chover, com dois riscos tenho um guarda-chuva
Se um pinguinho de tinta cai num pedacinho azul do papel
Num instante imagino uma linda gaivota a voar no céu.
Vai voando, contornando a imensa curva norte-sul
Vou com ela viajando Havaí, Pequim ou Istambul
Pinto um barco a vela branco navegando
É tanto céu e mar num beijo azul
Entre as nuvens vem surgindo um lindo avião rosa e grená
Tudo em volta colorindo, com suas luzes a piscar
Basta imaginar e ele está partindo, sereno e lindo
E se a gente quiser ele vai pousar.

Linda e maravilhosa postagem.
Fez-me voltar meus dias de criança...
Amei.
bj

Lucas - Blog: Overture disse...

Gaby, no coração de quem carrega um mar vão sempre infinitos segredos! Beijossssssssss

Washington Albuquerque disse...

Oi moça, quanta doçura nessa arte.

Acho que uma das coisas que mais combinam com aquarela, de fato é o mar, as cores mais lindas são os tons de azul, e é uma saudade que bate também... Essas suas palavras <3

xoxo

DE-PROPOSITO disse...

O mar,... o mar imenso.

Felicidades
MANUEL

Graça Pires disse...

Magia pura, este poema. A praia estará onde o mar quiser.
Beijo.

Catarina Luna disse...

"No seu coração ela sempre carrega um medo." - Diz-me tanto, minha querida! Que doçura.

Um beijinho grande ❤️