sábado, 18 de julho de 2015

Livros


Lares de histórias e palavras mágicas. Guardadores de um cheirinho acalentador. Portas para um novo lugar. Saídas para um novo despertar. Páginas em que olhos e mãos pousam e ficam a caminhar. Cantinhos das maiores aventuras. Fazedores de asas e imaginação. Conhecedores do nosso coração. Verdadeiras máquinas do tempo. Teletransporte sem sair do lugar. Marcadores de encontros com nossos personagens preferidos. Colocadores de novos horizontes nos olhos. Doadores de mais sonhos em todo nosso sonhar.

7 comentários:

Carmem Grinheiro disse...

Olá, Gaby.
Seu poema, desta vez, é um hino aos livros, esses fermentos de vida e saber, que são entradas e saídas para caminhos a desbravar.
Os livros, que são os melhores "colocadores de sonhos em nosso sonhar" ;)

Lindo.
bjn amg

Elen Abreu disse...

E nada mais maravilhoso do que sonhar. Sonhar sem sair do lugar, esse é um delicioso fascino que a leitura é capaz de oferecer.

Deixo aqui meu carinho, seguindo o blog.

Beijos!

Graça Pires disse...

Linda a forma como descreveste os livros. Só acrescento que também são os amigos que ficam nos momentos de solidão...
Um beijo.

Vanessa Palombo disse...

Verdade Gaby,

Lindo texto...

Bjos

Jaime Portela disse...

Excelente forma de descrever os livros.
Gaby, tenha um bom fim de smana.
Beijinhos.

Reflexos e Sinais da Alma disse...

Olá Gaby ,

Excelente post ... Livros ... na sua forma ternurenta de escrever :)
Um Abraço
Luis Sousa

Marco Y disse...

Bela reflexão sobre estes amigos que nos emocionam e divertem sem pedir nada em troca.

Um forte abraço,

Marco Y