sexta-feira, 21 de novembro de 2014

Nascer, caminhar, voar



Apenas um sopro tentando achar um lugar para pousar. E pousando não vai ainda encontrar caminhos de terra, mas as águas, que de ventos suspirantes lhe fará navegar. E a saudade do céu fará chover, e as águas irão balançar mais, cheias de notas as gotinhas farão música, e um guarda-chuva mágico aparecerá em suas mãos, trazidos por uma coruja cheia de nuvens e um pássaro cheio de estrelas. Logo as árvores vão aparecer, e as folhas vão cair ondulando o lago em que estás, pensarás tanta poesia e tantas histórias irão preencher seu coração, como a de um coelho que navegava barcos de papel, como borboletas perdidas em voos e flores. E as árvores cheias de raízes vão se aproximando do seu coração, e um caminho pela floresta aparece, você segue, já que pousou precisa agora estar. E com um leve acordar você sente a trajetória de todo o seu caminho, e um dia voltarás suavemente a voar. 

9 comentários:

Graça Pires disse...

Gosto destas pequenas histórias em que mistura o real com o imaginário...
Beijo.

Catarina Luna disse...

minha querida, nunca percas a esperança. também não quero acreditar que tudo morra aos poucos, mas há dias em que não conseguimos ver nada claramente.
um beijinho grande <3

Aline Teles disse...

Eu adoro as analogias que tu usas em seu texto. Acho que tu escreveste muito bem a trajetória da vida. Parabéns! Beijinhos e uma ótima semana.

© Piedade Araújo Sol disse...

historias sempre com muita ternura entre um mundo de encantar e um pouco da realidade.

beijinho

:)

© Piedade Araújo Sol disse...

Gaby

não tenho seu mail, e fiquei muito incomodada com o seu coment no meu maresias.

espero que esteja tudo bem e que se um pássaro voa outro virá ter ao seu beiral.

abraço com carinho

:)

Vanessa Palombo disse...

Lindo....

BJos

Lucas - Blog: Overture disse...

Interessante a rima que conduz esse poema em prosa. E, afinal, quem de nós, como o pássaro, não pousa um pouquinho num agradável lugar, em agradáveis companhias, e depois precisa de novo voar? Deveras belo. Beijosssssss

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

Voar
é antes
de tudo,
uma entrega
sem pudores
a felicidade...

______________________________

“A vida está onde os sonhos estão.”

Aluísio Cavalcante Jr.

Washington Albuquerque disse...

Baaah, que falta dessas ilustrações *.* Belo texto, querida, vontade de viajar, acho que vou construir aqui um novo caminho e me deliciar também *.*

xoxoxo