Páginas

terça-feira, 5 de fevereiro de 2013

Luzes e Leituras.


Tenho lido bastante sobre luzes de fim de tarde, que caem delicadas em nosso colo, sobre o livro que estamos lendo naquele cantinho onde nossa cabeça fica mais tranquila para os sonhos, para assim estar em outro lugar que não é nosso, mas é tão nosso quanto, é estranho. Não saber onde se está pode até ter certa doçura, tem leveza sonhar com lugares outros. Tenho lido sobre as saudades que como luzes de fim de tarde; com aquela chuva mansa; caem sobre nossos olhos, como um eterno outono em meio a primaveras, verãos e invernos. E eu não sei escrever muito bem, mas essa luz de fim de tarde com nuvenzinhas quase azuis, cinzas, branquinhas de neve, esse beija-flor que aparece no exato momento que eu abro a janela como uma poesia voadora, me faz escrever. O fim de tarde que repousa sobre as árvores, levou-me a bosques e florestas encantadas, e eu já não sei mais voltar de lá. E eu já nem sei se consigo construir em minhas páginas uma boa história para mim.
Vêm sopros distantes e pertos, eu insisto em falar com quem não fala, insisto em acreditar nas surpresas mágicas que o coração pode receber, e ainda há tanta mágica a proteger. E eu tenho lido sobre luzes de fim de tarde, que caem delicadas sobre nosso colo e por momentos ternos nos faz acontecer. 

10 comentários:

Pedro Luis López Pérez (PL.LP) disse...

Esa Luz de la Noche que nos hace pensar y reflexionar. Nos sumergimos en un bosque encantado y casi no deseamos volver de allí.
Preciosa Entrada, Gaby.
Un abrazo.

Alice disse...

luz
que leva pra longe
eleva
leve.

BIA disse...

Especialmente no inverno as luzes de fim de tarde aquecem e iluminam tudo!!! Como o mundo precisa de luz!!!
Bom dia Gaby!!!
Bjs :)

*Escritora de Artes* disse...

Oi Gaby,

Que essas luzes continuem te iluminando, para continuar escrevendo doces palavras que alegram nosso coraçao...

Bjos

Bruna Gabriela disse...

Amo quando as luzes do fim da tarde invandem a janela.

Lindo texto.

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

Palavras
assim,
trazem uma doçura
simples
e ao mesmo tempo
essencial.

Que em teu coração,
a alegria faça morada...

AC disse...

Luzes de fim de tarde...
Quanta poesia, Gaby!

Beijo :)

Kamila Behling disse...

ENCANTO!

Kamila Behling disse...

ENCANTO!

Denise Portes disse...

Gaby,
essa também é a luz que vem de você e ilumina minha tela.
Um beijo, com carinho
Denise