domingo, 15 de julho de 2012

Piquenique.




Colocou todo o seu coração naquela cesta de piquenique, bolinhos de chuva, doces, pãezinhos, frutas, sucos, queria que tudo saísse da forma mais bonita, afinal seria o primeiro piquenique de verdade com ele e o primeiro piquenique de verdade da sua vida como deveria ser, com cesta, coisas gostosas, sentar na grama, comprar balões coloridos para algumas crianças, e quem sabe receber flores, desviou logo o pensamento, não queria se decepcionar, porém, acreditava que devia pensar com carinho em tudo aquilo que mais queria. Saiu levando a cesta, as comidas, os pensamentos e o coração.
No fim da tarde depois que o piquenique tinha terminado, chegou a sua casa com o sorriso mais radiante do mundo, deu um beijo na sua mãe e no seu irmão que não desgrudava os olhos do caderno de lições, sentou-se na varanda para admirar o sol que se colocava para adormecer, e pensou no comecinho do amor brotando dentro do seu coração, nas flores coloridas que ganhou, dos balões coloridos que compraram para as crianças, das mãos dadas caminhando, dos bolinhos já frios, mesmo assim ainda deliciosos, do abraço debaixo da árvore, do beijo enquanto as nuvens no azul do céu formavam barquinhos navegando, do sopro do vento a fazendo voar, dos olhos dizendo que aquele seria o primeiro piquenique de muitos, dos olhos prometendo as coisas mais bonitas para o coração. Das palavras dizendo um tão verdadeiro "até logo" quando se despediram.

8 comentários:

ricardo alves disse...

"...tenho aquele mundo interior pequenino e quietinho..."
suas próprias palavras explicam a beleza desta pequena e doce homenagem ao amor gaby!
meus parabéns...

Marina Sena. disse...

que lindo, Gaby.
adorei o texto.

seguindo. ;P
até.
bjo, bjo, bjo...

*Escritora de Artes* disse...

Piqueniques são sempre românticos, adorei!!!

Bjos querida amiga

Néia Lambert disse...

Maravilhosamente belo!

Beijos

Laís Sandrigo disse...

Ah o primeiro piquenique... Essa cena me fez lembrar o meu, com meus amigos, cheio de amor, canções e sorrisos. Que palavras doces, Gaby! Gosto muito do jeito como você escreve...

Denise Portes disse...

Gaby,
eu sempre fico sem palavras para doçura dos seus textos.
Beijos
Denise

BIA disse...

Piqueniques são tão mágicos e inesquecíveis. Tão linda sua descrição deste dia perfeito.
Bjs :)

Felicidade Clandestina disse...

esse blog passarinheiro *___* docemente poético.

beijos moça.