sábado, 19 de novembro de 2011

A Existência da Poesia.


Havia o meu suspiro e o meu silêncio, e não tinha poesia, só tinha os fragmentos daquilo que tentou ser. Apenas uma metade, uma meia verdade do caminho por espinhos. Havia o leve flutuar daquela pena pelo chão, caíra de um pássaro e já não conseguia mais voar, a pena foi pega por uma formiga que passava a procurar, quem sabe ela também queria voar, e parceira da pena com saudade de céu, se colocou a caminhar.

Não tinha poesia, só vestígios, só destroços daquilo que tentou ser. A poesia, porém não é completude, fala dos fragmentos, é o caminho para algum horizonte, algum céu fora dos olhos, da janela, dentro do coração.
Havia a minha dor, que já não suportava mais ser. Havia a plenitude de tentar, a plenitude da fé nos traçados. Havia a existência da poesia então, que salva o meu coração. Havia o meu caminhar, e se me perguntarem por onde ando, diga que me perdi pelo céu, entre os suspiros das nuvens, e não sei se quero que me encontrem, e não sei se quero me encontrar. Ainda bem que a poesia existe, e ela salva o meu coração.

5 comentários:

Denise Portes disse...

Querida,
Ainda bem mesmo que a poesia existe, caso contrário não sei por onde andaria o meu coração. Já te disse: suas palavras transbordam sempre na minha tela e não me sinto sozinha no caminho da sensibilidade.
Um beijo
Denise

d. disse...

"algum céu fora dos olhos"
é que esse céu tá tão escondidinho aqui que a gente esquece, fica procurando, olhando para os lados e esquece de cultivar (e cativar) o que guardamos dentro. obrigada por me lembrar que é preciso regar a vida com poesia para que ela floresça. você é um doce, Gaby!

Fred Caju disse...

Salva o coração de muitos!

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

E a poesia
que te salva,
também salva a mim...

Sem ela os pedaços
de vida que recolho,
jamais seriam inteiros,
plenos,
imperfeitos ou perfeitos...

Seriam apenas pedaços,
e eternamente sem sentidos...


Que a alegria
faça folia
em teu coração.

Portifolio das Letras - Juliana S. disse...

Não gosto muito de poesia, porque não sei fazer rs mas tem algumas que acho lindas (:

http://portifoliodasletras.blogspot.com/