Páginas

segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Poesia de você.

Essa poesia é difícil de entender.
Só sei que quando ela está com você,
brilha de amanhecer,
enche de constelações o meu sonhar.
Sopra dentro de mim sorrisos,
fragmentos de nuvem no ar.
E nascendo outros versos,
escreve meu entardecer.

5 comentários:

Você em Pauta disse...

Essa poesia é assim....
Verbos que somente conseguem serem conjugados, quando estao sobre o brilho de seu olhar!!!

Impulsiva disse...

Poesias são várias em uma só e esta sua parece querer de nós algo mais... conhecer quem a mereceu!

Lindaaa!
Beijos,
Kenia Araújo.

Denise Portes disse...

Sua poesia é sempre bordada de delicadeza.
Um beijo
Denise

Thais Michele disse...

Linda poesia... como sempre cheia de sensibilidade.

Felicidade Clandestina disse...

e quem precisa de mais palavras para tal momento? :)