Páginas

terça-feira, 2 de fevereiro de 2010

E assim o Vento Traz

O vento trazia certas lembranças
De um mundo feito de memórias
As nuvens no céu em danças
Contavam entre si histórias.

Um sopro de algum lugar
Trazia uma doce imaginação
Soprava então sem parar
Buscando a melhor direção.

Atrás das colinas verdes de cristal
Alguns passos deveriam se encontrar
Formando entre o lago de vitral
Uma pista segura em forma de ar.

Vale em forma de esperanças
Voos cruzando a imensidão do céu
Entre tantos sorrisos de crianças
Olhos de transparente véu.

Poderia encontrar a música escondida
Bem no canto do coração
E se por acaso encontrasse ela sem saída
Saberia então recitar a canção.

Parecia que o vento sabia ler
Em cada montanha
E o pensamento não esquecer
Em vida tamanha.

Havia sempre uma história mágica voando
Real, bonita, inventada...
Ela sempre estaria perto pousando
De uma forma sutil e encantada.

E assim o vento traz.

10 comentários:

Thais Michele disse...

Lindo amiga, simplismente encantadora a forma como você transmite sentimentos e sensações através da sua poesia!
Adorei
Beijo

Kênia Silva/Garotas Edificadas disse...

Oi Gaby,td bem??!!
Mto bom o seu blog!!Parabéns!
Aproveito pra te convidar p/conhecer o meu blog!!
Te espero lá!!Vai ser um prazer receber a sua visita!!
PS>Sou sua mais nova seguidora!!
Bjokass!!

Kênia
http://garotasedificadas.blogspot.com/

Alice disse...

E que o vento te traga ainda mais encanto! =]

Beijo

Pri C. Figueira disse...

Fico encantada cada vez que entro em seu blog e encontro um texto como esse. Doce, simples e tão terno!
Já falei, mas repito, amo a forma coo tu escreves, como colocas o sentimento em cada palavra!!

E assim o vento traz cada lembrança, eh incrivel que ao fechar os olhos e sentir o toque do vento nossas lembranças florecem!!

Um grande beijo ;)

Marcelo disse...

Esse mesmo vento anda ventando aqui.
Trazendo lembranças que nem sei se quero lembrar.
Mas que, sem dúvida, fazem meus campos mais lindos.
Lembranças nos lembram que vivemos, e que estamos vivos...
Gostei das suas linhas, e do seu nome também.

Iasminne Fortes disse...

Me lembrou a música dos Los Hermanos: "O vento vai dizer lento o que virá..."

Oh Gabi, to precisando de bons ventos. Manda pra mim? Texto lindo! =*

Marina disse...

Inspirar o vento. Ou foi ele que inspirou?
Beijos, Gaby.

Priscila Farias disse...

O vento pode trazer coisas incríveis
Adorei

Beijos

Rá ~° disse...

Você sempre surpreende com cada texto!
^^
Adorei o poema!

Beijo Grande

Nydia Bonetti disse...

Que lindo teu blog, Gaby. Gostei demais da tua poesia. Sempre o vento, a nos soprar canções, sentimentos, poesia. Que sopre leve... Beijo!